Escola Básica do 1º Ciclo / Jardim de Infância de Dagorda - Outras Informações

Imprimir

O concelho do Cadaval situa-se geograficamente na Região do Oeste e estende-se por uma área de 174 Km2. Está integrado na província da Estremadura e situa-se entre o vale do Tejo e a Costa Atlântica.
A freguesia da Vermelha, a que pertence o lugar de Dagorda, situa-se no extremo norte do concelho a cerca de 80 km a norte de Lisboa, com acesso através da Auto estrada (A-1), sentido Lisboa – Porto, nó de ligação de Aveiras de Cima e a Auto estrada (A-8) Lisboa – Leiria, nó de ligação de Bombarral. Nos limites administrativos da freguesia situam-se os concelhos de Bombarral e  Óbidos (a Oeste); Caldas da Rainha (a Norte). A Dagorda dista cerca de 3 km da sede de freguesia e cerca de 7 km da sede de concelho.
Em termos económicos, o lugar de Dagorda teve sempre por base o sector primário, sendo uma região essencialmente agrícola e tendo como atividades predominantes a vitivinicultura, a fruticultura e a exploração pecuária.
Nos terrenos que circundam a povoação, predomina o cultivo da vinha, da pera e da maçã. De salientar a variedade da pera Rocha, de grande qualidade, produzida nestes terrenos. É na povoação da Dagorda que se situa o maior produtor mundial de pera Rocha. Esta zona é por isso denominada o Solar da Pera Rocha. A destacar o papel importante da Central Fruteira do Painho, localizada na Dagorda, que recolhe toda a produção de fruta dos pomares locais e a escoa através de rede nacional e internacional. Esta é a entidade empregadora mais importante da terra, oferecendo trabalho permanente e trabalho sazonal, nomeadamente na altura da colheita da pera e maçã.
No sector vinícola, toda a produção de vinho local é entregue na Adega Cooperativa da Vermelha, que também, comercializa o vinho produzido.
Alguns habitantes deslocam-se para os centros urbanos mais próximos, principalmente para Caldas da Rainha onde trabalham em fábricas e serviços.
Existem na localidade alguns empreiteiros de construção civil, firmas de transportes de mercadorias e estabelecimentos comerciais como minimercados, café, drogaria, papelaria, etc.
De mencionar os seguintes edifícios públicos: Jardim de Infância, Capela, Associação Cultural e Recreativa e Centro de Dia “ASAVIDA”, que além dos serviços que presta à população idosa da localidade, tem ainda uma vertente de apoio domiciliário, sendo também local de emprego a algumas pessoa da terra.
A localidade é servida por rede de água potável e rede de esgotos. Dispõe de transportes públicos (autocarros), que permitem o fácil acesso à sede do concelho e às principais cidades mais próximas.
A Escola está inserida num meio de nível económico médio, não se registando casos de dificuldades financeiras muito graves. Os encarregados de educação demonstram interesse no percurso escolar dos seus educandos, participando em todas as atividades quando solicitados pela escola.

Saturday the 20th. Joomla 2.5 templates.